Centro de Ajuda

Bem-vindo
entrar

Acertos de stock

O menu Compras > Stocks confere o acesso à área de stocks e inventário, ao controlo e gestão de todos os movimentos de stocks gerados pelos documentos de compra, de venda e de regularização.

 

Estão enquadradas neste menu as existências, os produtos a encomendar, tarefas de acertos de stock, registo de consumos internos e também a criação de sugestões de stock.


 


Acertos de Stock

O menu Compras > Stocks > Acertos de stock permite o acesso à criação dos documentos de regularização de stock Acerto de quantidade e Definição de stock, apresentando, em linha, os documentos de regularização criados.


 

1. Acerto de quantidade

O documento Acerto de Quantidade permite a regularização / retificação da quantidade de stock das existências, sem promover qualquer alteração no PCM (Preço de Custo Médio).


Para proceder à emissão de um Acerto de Quantidade, bastará clicar no botão + Acerto de quantidade, sendo encaminhado para a caixa de seleção da data de emissão do documento. Selecionada a data de emissão pretendida, será encaminhado para a caixa de diálogo de emissão do documento de regularização.


 

Em alternativa, o Acerto de quantidade poderá ser realizado a partir do carregamento de um ficheiro Excel. Para tal, primeiramente, deverá ser descarregado o Excel para contagem, no menu  Compras > Stocks > Acertos de stock, à direita. Depois de preenchido, o ficheiro deverá ser carregado através da seleção da seta cinzenta que aparece à direita do botão + Acerto de quantidadeclicando em Carregar inventário.



Deverá, assim, indicar a data do acerto de quantidade e carregar o ficheiro Excel, clicando na área designada para o efeito, ou arrastando o ficheiro para a área.



2. Definição de stock

O documento Definição de Stock permite a regularização da quantidade e do PCM (Preço de Custo Médio) das Existências. De salientar que a Definição de Stock, uma vez que permite a definição de um novo PCM, ignora o PCM histórico, apurado a partir dos movimentos de stock anteriores. 



Para proceder à emissão de uma Definição de Stock, bastará clicar no botão + Definição de stock, sendo encaminhado para a caixa de seleção da data de emissão do documento. Selecionada a data de emissão pretendida, será encaminhado para a caixa de diálogo de emissão do documento de regularização.


Em alternativa, a Definição de stock poderá ser realizada a partir do carregamento de um ficheiro Excel. Para tal, primeiramente, deverá ser descarregado o Excel para contagem, no menu  Compras > Stocks > Acertos de stock, à direita. Depois de preenchido, o ficheiro deverá ser carregado através da seleção da seta cinzenta que aparece à direita do botão + Definição de stockclicando em Carregar inventário.



Deverá, assim, indicar a data da definição de stock e carregar o ficheiro Excel, clicando na área designada para o efeito, ou arrastando o ficheiro para a área.



Note-se que, quando é criado um documento de Definição de stock ou Acerto de quantidade numa determinada data, se já existirem documentos deste tipo (definições e/ou acertos) criados anteriormente, não será possível editar os documentos primeiramente gerados.


3. Inventário Final

O documento Inventário Final deve ser utilizado para indicar as quantidades de stock existentes à data final do ano respetivo, por isso, só pode ser gerado uma vez. Neste documento, devem constar as quantidades finais de cada ano a enviar à Autoridade Tributária. 


Caso o módulo de stocks seja ativado num ano posterior ao da criação da empresa, no Cloudware Business, será gerada uma notificação de criação do Inventário Final referente ao ano da ativação do módulo. Caso a empresa ative e desative o módulo de stocks com muita frequência, apenas é considerada a data da última ativação para haver a notificação do IF.

 

Para proceder à emissão do Inventário Final, bastará clicar no botão + Inventário Final, sendo encaminhado para a caixa de seleção do ano a que o documento diz respeito. Selecionada a data de emissão pretendida, será encaminhado para a caixa de diálogo de emissão do documento.



Em alternativa, o Inventário Final poderá ser realizado a partir do carregamento de um ficheiro Excel. Para tal, primeiramente, deverá ser descarregado o Excel para contagem, no menu  Compras > Stocks > Acertos de stock, à direita. Depois de preenchido, o ficheiro deverá ser carregado através da seleção da seta cinzenta que aparece à direita do botão + Inventário Finalclicando em Carregar inventário.



Deverá, assim, indicar o ano do inventário final e carregar o ficheiro Excel, clicando na área designada para o efeito, ou arrastando o ficheiro para a área.



Após finalização do Inventário Final, para descarregar o ficheiro para comunicação do inventário à Autoridade Tributária, deverá abrir o menu de opções do Inventário Final e selecionar a opção Descarregar ficheiro de comunicação do inventário à AT.


 

M
Manuel is the author of this solution article.

Esta resposta foi útil? Yes No

Send feedback
Lamentamos não termos conseguido ajudá-lo(a) mais. Ajude-nos a melhorar este artigo com a sua opinião.